Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

Ser antes de Ter

Tri, 28.10.20

Cometemos sempre o mesmo erro: pensamos em algo que queremos muito fazer e começamos a pensar no que precisamos para concretizar essa coisa.

Por exemplo, há muito anos, quando decidi que queria muito dar uma oportunidade ao yoga comecei a pesquisar colchões, comparar características e preços, comprar calças de licra…mas faltou o inicial: começar a praticar yoga.

Então tive que me recentrar no essencial e começar efetivamente a praticar yoga (em qualquer tapete de casa) e com o apoio muito útil do youtube (que está recheado de excelentes aulas) e inscrever-me para começar a ter aulas também. Isso sim era a prioridade e não ter as melhores calças de ginástica ou o colchão profissional, até porque ter essas coisas não faria nada de bem pela minha pessoa, ao invés da dedicação à prática.

be not have.jpg

E, como já disse, acho que cometemos sempre o mesmo erro porque comprar determinada coisa não nos vai dar mais paz, não nos vai tornar melhor pessoa, não nos vai tornar mais cultos (ou seja lá qual for o objetivo da atividade), simplesmente desperdiçamos tempo e dinheiro focando-nos no eu-ideal ao invés do nosso eu-real.

Por comprar um colchão de ginástica não significa que vou passar a fazer exercício todos os dias; não é por comprar umas botas de montanha que vou passar a fazer grandes caminhadas; nem o facto de ter aproveitado as promoções da feira do livro fazem com que seja um leitor mais assíduo.

O ideal é focarmo-nos em desenvolver melhores hábitos, em transformar a nossa rotina e tomar ações concretas de mudança na nossa vida em vez de esperar que tudo mude simplesmente. Focarmo-nos no nosso eu-real e perceber que alterações devemos implementar na nossa vida para conseguirmos ser o eu-ideal com que sonhamos.  

Assim, ser ter que vir antes do ter para que tudo na vida seja congruente e nos satisfaça.

2 comentários

Comentar post