Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

parabéns a mim, a nós

Tri, 29.02.24

Aluada como sou, deixei passar, novamente, o aniversário desta chafarica sem me aperceber. (ainda vou a tempo de comer um bolinho de celebração, não? Vá lá, um bolinho não se nega a ninguém e foi só dia 7 de fevereiro)

É verdade, já se passaram sete anos desde o dia em que decidi escrever o 1º post neste blog. Se sabia que ia durar tanto tempo? Jamais. Se achava que ia ser mais fácil? Claro que sim! Se alguma vez pensei em desistir? Tantas vezes. Se achava que ia ter leitores? Esperava que sim, mas achava que não. (por alguma coisa é que isto também é anónimo, nunca se sabe quem está a ler, certo?!)

Mas se me perguntam se vale a pena o esforço, é um redondo sim. Porque não é um esforço na medida em que não me imponho a estar presente, naturalmente vou aparecendo sempre que a vida o permite e a alma quer desabafar. Este cantinho é simplesmente o meu bloco de notas, só que partilhado convosco e, para mim, isso é perfeito.

sister-wishes.jpg

Não dei pelo tempo passar, mas sinto-me satisfeita por ainda não ter desistido deste blog (sim, tenho que vos admitir…este não é o primeiro da minha vida), sinto que este exercício de escrita mais recorrente me tem feito bem e me tem ajudado a melhorar a capacidade de comunicação e de escrita. (só um pouco vá, também não precisam de ser assim tão exigentes!)

Ao navegar nesta nostalgia apercebi-me de que nem me lembro de qual foi o meu primeiro texto neste blog (também com a minha memória de peixinho, isto não é uma admiração), mas ao averiguar e reler constato, com algo pesar, que o sinto muito atual, que me revejo ainda nas palavras escritas...tantos anos volvidos e a nossa sociedade não está muito melhor, a fome ainda muito presente. Por curiosidade, aqui fica.

Este blog tornou-se um projeto muito interessante, desde logo porque me permitiu conhecer e explorar esta comunidade existente no sapo; para além de todas as coisas incríveis que aprendi e descobri ao longo destes anos navegando por tantos blogs que me cativam, este espaço também me permite falar do que me apetece, com mais ou menos interesse.

Enquanto fizer sentido, para mim e para vocês, espero que este blog continue por aqui, a crescer, a ajudar à reflexão, ao desabafo, à parvoíce simplesmente.

Obrigada a vocês por estarem desse lado, por se interessarem, por partilharem também os vossos pensamentos nos cantinhos que leio.

2 comentários

Comentar post