Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

21 Benefícios de possuir menos

Tri, 02.07.21

Esta lista contém 21 benefícios de possuir menos e foi criada por Joshua Becker do blog Becoming Minimalist, das primeiras pessoas que comecei a seguir, e que muito me ensinou ao longo destes anos nesta minha jornada.

 

1- Gastar menos dinheiro

Escolher ter apenas o essencial significa, muitas vezes, não gastar dinheiro com o acessório e poder até fazer poupanças. (bastante lógico e fácil de compreender, mas nunca é demais recordar)

2- Menos Stress

Uma casa minimalista é significativamente menos stressante, porque tem menos coisas (ou seja, tem o essencial para se viver) e assim tudo tem o seu sítio e consegue-se manter sempre arrumada. Sem tralhas acumuladas.

3- Fácil limpar

Quanto menos coisas temos em casa, mais fácil se torna a limpeza. (excepto as minhas estantes dos livros que continuam a ser trabalhosas)

Aliás dá para ir mantendo limpa em vez que chegarmos ao fim-de-semana e perdermos tempo a fazer uma limpeza profunda. E aproveitamos melhor esse tempo para estarmos com as pessoas.

 4- Maior liberdade

Sem sensação de aprisionamento às coisas; a sensação de liberdade que vem do minimalismo é verdadeiramente refrescante. Não dá para transpor em palavras, só colocando em prática. Força nisso!

 5- Bom para o Meio Ambiente

Menos consumismo, menos danos para o meio ambiente. Já por aqui falei várias vezes sobre isso mas continua a ser um tema pertinente em cima da mesa. Temos urgentemente que mudar os nossos hábitos de consumo (e consumir menos, de uma forma geral vá)

 6- Maior produtividade

O que possuímos consome demasiado do nosso tempo. Quanto menos temos (entenda-se bens materiais) mais nos conseguimos focar no essencial e sentirmo-nos produtivos.

Seja no trabalho, seja a desenvolver um projeto ou hobbie que sempre adiámos, seja a fazer coisas com as nossas pessoas. O tempo parece que cresce, prometo! (palavra de escuteiro ... se é que vale de alguma coisa de alguém que nunca o foi)

 7- Um exemplo para os filhos

São lições valiosas para a vida deles que nunca irão aprender nos media.

Claro que há muitas outras importantíssimas, não estamos aqui a minimizar nada, mas aprender a não dar tanto valor às coisas mas sim às pessoas, na sociedade atual, é não só imporatnte como um grande desafio.

 8- Apoiar outras causas

O dinheiro é apenas tão valioso quanto aquilo onde o decidimos gastar.

Se optarmos por investir em vez de gastar. Ou de ajudar alguém em detrimento da nossa satisfação momentânea na compra de uma camisola nova...é só uma ideia.

 9- Possuir coisas com maior qualidade

Mais não é melhor…melhor é melhor.

E caro também não significa melhor. Melhor são coisas feitas com bons materiais e que permitem uma grande durabilidade para evitar que todos os anos compremos coisas.

10- Menos trabalho para outra pessoa

Criar uma vida menos stressante hoje vai diminuir o trabalho de alguém no futuro.

Isto é um pau de dois bicos (ou como diz o outro "uma faca de dois legumes") pois há quem faça dinheiro com o facto de andarmos stressados e a 'pirar'...é o trabalho deles vá.  minimal.PNG

11- Ser mais feliz

Possuir menos faz-nos mais felizes. Por todos os motivos enumerados acima mas claro que é uma visão subjetiva da coisa. Cada um terá a sua perceção...da importância de determinados objetos ou não, na sua vida.

 12- Poder trabalhar no que se gosta

Possuir menos coisas leva a que muitas pessoas possam escolher trabalhar naquilo que gostam e querem mesmo fazer. Podem ter menos gastos e não precisam de se sujeitar a um tarablho só porque 'têm que ganhar mais'.

 13- Liberdade de comparações

A nossa cultura leva-nos a possuir mais e a comparar as nossas vidas com aqueles que nos rodeiam

14- Tempo para as coisas que mais importam

Quanto mais coisas possuímos, mais elas nos possuem

 15- Visualmente atraente

A nossa casa torna-se mais atraente. (à partida, porque está arrumada não proque seja mais bonita)

 16- Não ficarmos amarrados ao passado

Deixar o passado ir para criar um futuro melhor. Muitos dos objetos que temos têm alguma memória associada, por isso é que os guardamos. (falei um pouco disso aqui e aqui )

 17- Menos lugares para o seu coração

Investir o nosso coração em coisas significativas e não objetos

 18- Mais oportunidade para descansar

Pare e respire fundo. Tirar momentos para não fazer nada.

 19- Mais fácil de encontrar as coisas

Possuir menos confusão faz com que se encontre as coisas mais rapidamente

20- Viver num espaço menor

Para muitas famílias, uma casa é um investimento muito caro que não podem fazer

21- Mostrar o que mais valoriza

Comunicar o que é mais importante

 

Ainda tenho um longo caminho a percorrer até sentir na plenitude todos estes benefícios na minha vida, mas quero mesmo focar-me pois sei que só saio beneficiada disso.

E pensar que todos os dias estou no caminho para uma vida mais simples, mais plena, livre de coisas, cheia de vivências.

Claro que não serve para todos, mas não temos que ser todos iguais. Tem que encaixar em quem faça sentido. (para a minha mãe nunca na vida daria uma casa minimalista)

Se ressoar em ti, fica por aqui.

(tradução livre e adaptada)

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Tri 14.07.2021

    Isso é mesmo o mais importante, desperdiçarmos menos tempo com coisas para termos mais tempo para as pessoas, para viver, para estar simplesmente.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.