Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estou só a dizer coisas ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

um espaço para a reflexão e partilha ...

Estou só a dizer coisas ...

15
Mai17

os sem abrigo ...

publicado por Tri

olhamos para eles e sentimo-nos incomodados.

Incomodados e impotentes. Inúteis até, perante a inércia de todo um sistema que não vê, ou não quer ver, porque não interessa.  homeless.jpg

 

Podemos aliviar a consciência dando uma moeda, ou até mesmo comida e uma roupa quente. Ficamos temporariamente tranquilos, mas não curados; algo continua a massacrar o nosso subconsciente, algo continua a moer e a vontade de mudar tudo continua a crescer.

 

A culpa não é nossa, individualmente; se calhar nem deles, individualmente.

A culpa é da vida que os coloca nesta situação e depois de um sistema que não tem como dar apoio, nem interesse em tal, e que não promove a reintegração destas pessoas que ‘caíram’ na rua.

 

Ninguém é sem abrigo porque quer. E desenganem-se os que pensam que sim. As pessoas habituam-se, acomodam-se, não significa que o queiram ser.

 

Todos os sem abrigo têm esperança, têm sonhos, ainda que acreditem, que não passam disso mesmo...sonhos…mas todos querem no fundo uma vida digna, como qualquer ser humano, longe da rua.

 

É bom que nos sintamos incomodados e será ainda melhor se fizermos alguma coisa. Alguma coisa com significado, alguma coisa que os alivie, que os ajude e, se não o podermos fazer, pelo menos um sorriso e uma palavra de simpatia não têm preço e valem muito.

 

Tentarmos minimizar a sua degradação física, mental, psicológica, pode depender também de nós … e se podermos fazer alguma coisa, façamos.

 

E alguma coisa que evite também o aparecimento de outros tantos como eles…eventualmente nós próprios!